João 5:24

Em verdade, em verdade vos digo, que quem ouve minha palavra, e crê ao que me enviou, tem vida eterna, e não virá em condenação, mas passou da morte para a vida.

tem vida eterna. Ou tem a vida eterna: (compare com João 3:16). Note o tempo verbal; ele já a possui, não é uma recompensa a ser dada no futuro (compare com João 3:36).

mas passou da morte para a vida. Isto é evidentemente equivalente a escapar do julgamento e alcançar a vida eterna, mostrando claramente que a morte é morte espiritual, e a ressurreição dela também espiritual. Portanto, não pode se referir à ressurreição do corpo. [Cambridge]

Comentário de J. H. Bernard

Nos versículos 24-25, o pensamento é de vida e morte espirituais, o crente em Cristo já possuindo a vida eterna, e as palavras da vida eterna sendo proclamadas nos ouvidos dos mortos espiritualmente, para que eles também possam ouvir e viver. Nos versículos 28-29, a referência é à vida futura, a voz de Cristo sendo uma voz de poder no Juízo Final, assim como é agora. Veja no versículo 28.

Em verdade, em verdade [ἀμὴν ἀμήν…] – veja em 1:51. Aqui esta fórmula introduz duas afirmações distintas, ambas surpreendentes em suas majestosas reivindicações de poder, nos versículos 24 e 25, respectivamente.

quem ouve minha palavra [ὁ τὸν λόγον μου ἀκούων] (compare com João 8:43; e para ἀκούειν seguido por um acusativo, veja em João 3:8), καὶ πιστεύων τῷ πέμψαντί με “. Ouvir com o ouvido externo não é suficiente; a resposta interior é essencial. Deve haver a crença em Cristo (João 3:15), que é a mesma coisa que a crença na palavra daquele que o enviou (João 12:44). Para o “envio” do Filho pelo Pai, ver em João 3:17.

tem vida eterna [ἔχει ζωὴν αἰώνιον]. O crente obediente tem a vida eterna, como uma possessão presente. Veja em João 3:15, e compare com 1João 5:12.

e não virá em condenação [καὶ εἰς κρίσιν οὐκ ἔρχεται]. Compare com João 3:18 ὁ πιστεύων εἰς αὐτὸν οὐ κρίνεται. O crente “não vem a julgamento”; isso já foi determinado. No entanto, a oração de humildade sempre será μὴ εἰσέλθῃς εἰς κρίσιν μετὰ τοῦ δούλου σου (Salmo 143:2).

mas passou da morte para a vida [ἀλλὰ μεταβέβηκεν ἐκ τοῦ θανάτου εἰς τὴν ζωήν]. Algumas versões latinas tentam escapar da força do tempo perfeito pelas traduções transit, transiet e Nonnus em sua paráfrase tem ἴξεται ἐκ θανατοίο; mas isso é devido a um mal-entendido. João deixa bem claro que o crente “passou da morte para a vida”, para a vida eterna que aqui começa. Compare com οἴδαμεν ὅτι μεταβεβήκαμεν ἐκ τοῦ θανάτου εἰς τὴν ζωήν (1João 3:14), sendo adicionada a razão para tal garantia, ὅτι ἀγαπῶμεν λἆς τοὺο.[Bernard, 1928]

< João 5:23 João 5:25 >

Todas as Escrituras em português citadas são da Bíblia Livre (BLIVRE), Copyright © Diego Santos, Mario Sérgio, e Marco Teles, com adaptação de Luan Lessa – janeiro de 2021.