Bíblia

Septuaginta

Aviso Quer estudar a Bíblia e não sabe por onde começar? Conheça o nosso curso: Como Estudar a Bíblia? Ele é gratuito, online e pode ser iniciado agora mesmo! Clique aqui e saiba mais.


A Septuaginta é uma tradução das Escrituras (somente o Antigo Testamento) para o grego, geralmente citada como LXX. A origem desta que é a mais importante de todas as versões está envolvida em muita obscuridade. Seu é derivado da ideia popular de que setenta e dois tradutores foram contratados pela direção de Ptolomeu Filadelfo, rei do Egito, e que foi realizada em setenta e dois dias, para o uso dos judeus residentes naquele país. Não há garantia histórica para esta afirmação. Não há garantia histórica para esta afirmação. É, no entanto, um fato estabelecido que esta versão foi feita em Alexandria; que foi iniciada por volta de 280 a.C., e terminou por volta de 200 ou 150 a.C.; que foi o trabalho de um número de tradutores que diferiram muito tanto em seu conhecimento do hebraico como do grego; e que desde os primeiros tempos ela levou o nome de “A Septuaginta”, isto é, Os Setenta. Até a descoberta dos manuscritos do Mar Morto, este era o texto do Antigo Testamento mais antigo que se tinha conhecimento.

A Septuaginta, com todos os seus defeitos, deve ser do maior interesse, (a) como o meio pelo qual a língua grega estava casada com o pensamento hebraico; (b) como a fonte da grande maioria das citações do Antigo Testamento por escritores do Novo Testamento.

Adaptado de: Illustrated Bible Dictionary (Versions)