Cânticos 1:9

Eu te comparo, querida, às éguas das carruagens de Faraó.

Comentário de A. S. Aglen

éguas. Na Vulgata, equitatus, ou seja “cavalos”, mas o hebraico susah é mais propriamente significa égua, como na Septuaginta, Tῇ ἵππῳ μου. A base da comparação é entendida de várias maneiras. Alguns, ofendidos pela comparação da beleza feminina com a de um cavalo, pensam que os ricos arreios de uma parafernália real sugeriram isso, enquanto, por outro lado, a menção do cavalo equipado pode ter sugerido a referência aos ornamentos da dama. Mas Anacreonte (60) e Teócrito (Idílio xviii. 30, 31), e também Horácio (Ode iii. 11), compararam a beleza feminina com a equina; e um chefe árabe não hesitaria em dar os atributos de seu cavalo aos encantos de sua amante.

carruagens. O plural mostra que a imagem é geral, sem referência a um equipamento particular. As carruagens do Faraó são selecionadas como preeminentemente finas por reputação. A suposição de que há uma referência a algum presente do egípcio para o monarca israelita é gratuita. Os reis de Israel compravam seus cavalos e carruagens a um alto preço (1Reis 10:29). [Ellicott, 1884]

Comentário de Andrew Harper

querida. Esta palavra ra‛yâh é encontrada apenas no Cântico de Salomão, exceto uma vez no plural em Juízes 11:37, onde a filha de Jefté diz “eu e meus companheiros”, e nesse caso há uma tradução alternativa. Ela é usada no Canto indiscriminadamente por Salomão e pelo verdadeiro amor da sulamita.

éguas das carruagens de Faraó. Oettli, no entanto, sugere que se trata de uma égua favorita, e nesse caso devemos traduzir à égua das carruagens do Faraó. O plural, as carruagens, faz uma ligeira dificuldade, mas pode ser destinado a indicar que esta égua favorita foi conduzida em várias carruagens. Esta referência a carruagens egípcias é especialmente salomônica (cp. 1Reis 10:26-29), pois ele introduziu o cavalo e a carruagem como parte regular do exército de Israel. Para nós, isto pode parecer uma comparação muito inconveniente, mas no Oriente as mulheres eram tidas com menos estima que atualmente, e o cavalo tem uma estima mais elevada. Os poetas árabes frequentemente usam tais comparações para as mulheres que amam. Mas talvez se pretenda aqui uma sugestão  da qualidade da afeição do rei. [Harper, 1907]

Comentário de A. R. Fausset

Conteúdo exclusivo para assinantes. Clique aqui e conheça todos os benefícios de assinar o Apologeta.
< Cânticos 1:8 Cânticos 1:10 >

Todas as Escrituras em português citadas são da Bíblia Livre (BLIVRE), Copyright © Diego Santos, Mario Sérgio, e Marco Teles, com adaptação de Luan Lessa – janeiro de 2021.