Livro

Livro do Êxodo

Êxodo é o nome dado na LXX para o segundo livro do Pentateuco. Significa “partida” ou “saída”. Este nome foi adotado na tradução latina, e daí passou para outras línguas. Os hebreus chamavam-no pelas primeiras palavras, de acordo com seu costume, Ve-eleh shemoth (isto é, “e estes são os nomes”).

Contém, (1) Um relato do aumento e crescimento dos israelitas no Egito (Ex 1) (2). Preparativos para a saída deles do Egito (Ex 2 à 12:36). (3) Suas viagens do Egito ao Sinai (Ex 12:37 à 19:2). (4.) A entrega da lei e o estabelecimento das instituições pelas quais a organização do povo foi concluída, a teocracia, “um reino sacerdotal e uma nação santa” (Ex 19:3 à 40).

O tempo contido neste livro, desde a morte de José até a construção do tabernáculo no deserto, é de cerca de cento e quarenta e cinco anos, na suposição de que os quatrocentos e trinta anos (Ex 12:40) devem ser calculado a partir do tempo das promessas feitas a Abraão (Gl 3:17).

A autoria deste livro, assim como de outros livros do Pentateuco, deve ser atribuída a Moisés. A voz unânime da tradição e todas as evidências internas apoiam abundantemente esaa opinião.

Adaptado de: Illustrated Bible Dictionary (Exodus, Book of).