Tamar

Tamar, em hebraico תמר, provavelmente significa “palmeira”.

Duas pessoas e um lugar são mencionados na Bíblia com este nome:

1. Um lugar mencionado por Ezequiel (47:19; 48:28), na fronteira sudeste da Palestina. Alguns supõem que este era “Tadmor”.

2. A nora de Judá, a cujo filho mais velho, Er, ela era casada (Gênesis 38:6). Após a morte de seu marido, ela foi casada com Onã, seu irmão (8), e em sua morte, Judá prometeu a ela que seu terceiro filho, Selá, se tornaria seu marido. Esta promessa não foi cumprida e, portanto, a vingança de Tamar e a grande culpa de Judá (38:12-30).

3. Uma filha de Davi (2Samuel 13:1-32; 1Crônicas 3:9), a quem Amnom vergonhosamente ultrajou e depois “odiou muitíssimo”, ilustrando assim a lei da natureza humana notada até mesmo pelos pagãos, “Proprium humani ingenii est odisse quem laeseris“, isto é, “é propriedade da natureza humana odiar alguém que você tenha ferido”.

4. Uma filha de Absalão (2Samuel 14:27).

Adaptado de: Illustrated Bible Dictionary. Referências: Strong’s Exhaustive Concordance of the BibleQuem é Quem na Bíblia Sagrada.