Bíblia, Revisar

Josué 23

A despedida de Josué

1 E aconteceu, passados muitos dias depois que o SENHOR deu repouso a Israel de todos os seus inimigos ao redor, que Josué, sendo velho, e cheio de dias,

passados muitos dias depois que o SENHOR deu repouso a Israel de todos os seus inimigos ao redor – cerca de quatorze anos após a conquista de Canaã e sete depois da distribuição daquele país entre as tribos.

2 Chamou a todo Israel, a seus anciãos, a seus príncipes, a seus juízes e a seus oficiais, e disse-lhes: Eu sou já velho e cheio de dias:

Chamou a todo Israel – A sentença que se segue parece restringir esta expressão geral como aplicável apenas aos oficiais e representantes do povo. O local de reunião era provavelmente Siló. A ocasião de convocá-lo foi a idade extrema e se aproximando da morte do venerável líder; e o propósito deste solene discurso era animar o povo escolhido e sua posteridade para uma continuação fiel e inabalável na fé e adoração do Deus de Israel.

3 E vós vistes tudo o que o SENHOR vosso Deus fez com todas estas nações em vossa presença; porque o SENHOR vosso Deus lutou por vós.

vós vistes tudo o que o SENHOR vosso Deus fez com todas estas nações em vossa presença – A modéstia e humildade de Josué são notavelmente exibidas no começo deste discurso. Dispensando todos os pensamentos de seus serviços pessoais, ele atribuiu a subjugação e ocupação de Canaã inteiramente à favorecer a presença e a ajuda de Deus; e ao fazê-lo, ele não falou mais piedosamente do que verdadeiramente. Isso foi prometido (Dt 1:30; 3:22); e a realidade da ajuda divina foi vista na rápida derrubada dos cananeus, que já haviam levado à divisão de toda a terra entre as tribos [Js 23:4].

4 Eis que vos reparti por sorteio, em herança para vossas tribos, estas nações, tanto as destruídas como as que ficam, desde o Jordão até o grande mar até onde o sol se põe.
5 E o SENHOR vosso Deus as expulsará de diante de vós, e as lançará de vossa presença: e vós possuireis suas terras, como o SENHOR vosso Deus vos disse.

As posses reais que Deus tinha dado eram uma garantia do cumprimento completo da Sua promessa em dar-lhes as partes do país ainda invicto. Mas a realização da promessa divina dependia de sua inviolável fidelidade à lei de Deus – mantendo-se resoluta e afastada de todo relacionamento familiar e conexões íntimas com os cananeus, ou de qualquer forma participando de seus pecados idólatras. No caso de continuarem em firme adesão à causa de Deus, como felizmente distinguiram a nação naquele tempo, Sua bênção lhes asseguraria um curso de vitórias brilhantes e fáceis (Lv 26:7; 28:7; 32:30).

6 Esforçai-vos, pois, muito a guardar e fazer tudo o que está escrito no livro da lei de Moisés, sem apartar-vos dele nem à direita nem à esquerda;
7 Que quando entrardes a estas nações que restaram convosco, não façais menção nem jureis pelo nome de seus deuses, nem os sirvais, nem vos inclineis a eles:
8 Mas ao SENHOR vosso Deus vos achegareis, como fizestes até hoje;
9 Pois o SENHOR expulsou diante de vós grandes e fortes nações, e até hoje ninguém há podido resistir diante de vosso rosto.
10 Um homem de vós perseguirá a mil: porque o SENHOR vosso Deus luta por vós, como ele vos disse.
11 Portanto, cuidai muito por vossas almas, que ameis ao SENHOR vosso Deus.

A soma de sua exortação é compreendida no amor de Deus, que é o fim ou cumprimento da lei (Dt 6:5; 11:13; Mt 22:37).

12 Porque se vos apartardes, e vos achegardes ao que resta daquelas nações que restaram convosco, e se estabelecerdes com elas matrimônios, e entrardes a elas, e elas a vós;

Porque se vos apartardes, e vos achegardes ao que resta daquelas nações que restaram convosco – Como as relações matrimoniais com os cananeus idólatras apresentariam muitas e fortes tentações para transgredi-las, estas eram estritamente proibidas (Êx 34:12-16; Dt 7:3). Com seus olhos, por assim dizer, sobre essas proibições, Josué os ameaça com a retirada certa da ajuda divina na posterior expulsão dos cananeus (uma ameaça fundada em Êx 23:33; Nm 33:55; Dt 7:16).

13 Sabei que o SENHOR vosso Deus não expulsará mais estas nações diante de vós; antes vos serão por laço, e por tropeço, e por açoite para vossos lados, e por espinhos para vossos olhos, até que pereçais desta boa terra que o SENHOR vosso Deus vos deu.
14 E eis que eu estou para entrar hoje pelo caminho de toda a terra: reconhecei, pois, com todo o vosso coração e com toda vossa alma, que não se perdeu uma palavra de todas a boas palavras que o SENHOR vosso Deus disse de vós; todas vieram até vós, nenhuma delas se perdeu.
15 Mas será, que quando veio sobre vós toda palavra boa que o SENHOR vosso Deus vos havia dito, assim também o SENHOR trará sobre vós toda palavra má, até destruir-vos de sobre a boa terra que o SENHOR vosso Deus vos deu;
16 Quando transgredirdes o pacto do SENHOR vosso Deus que ele vos mandou, indo e honrando deuses alheios, e inclinando-vos a eles. E o furor do SENHOR se inflamará contra vós, e logo perecereis desta boa terra que ele vos deu.
<Josué 22 Josué 24>

Leia também uma introdução ao livro de Josué.

Adaptado de: Commentary Critical and Explanatory on the Whole Bible. Todas as Escrituras em português citadas são da Bíblia Livre (BLIVRE), Copyright © Diego Santos, Mario Sérgio, e Marco Teles – fevereiro de 2018.