Mateus 12:32

Se alguém disse alguma palavra contra o Filho do homem será perdoado, mas qualquer um que falar contra o Espírito Santo não será perdoado, nem nesta era, nem na futura.

não será perdoado, nem nesta era, nem na futura. “De passagem, deve-se sublinhar que essas palavras, por mais que se dê vazão à imaginação, de forma alguma implicam que haverá perdão para certos pecados na vida futura. Em nenhum sentido apoiam a doutrina do purgatório. A expressão simplesmente significa que o pecado indicado jamais será perdoado. Quanto à doutrina do purgatório, supostamente o lugar onde as almas dos que não se perderam eternamente pagam o resto de sua dívida sofrendo o castigo pelos pecados que cometeram enquanto ainda viviam na terra, é claramente contestada pela Escritura, a qual ensina que “Jesus o pagou todo” (Hebreus 5:9; 9:12,26; 10:14; 1João 1:7; Apocalipse 1:5; 7:14)” (Hendriksen, 2000).

🔗 O que é a blasfêmia contra o Espírito Santo, o pecado imperdoável? Ouça a resposta do reverendo Augustos Nicodemus.

Comentário de A. T. Robertson

falar [blasfêmia] contra o Espírito Santo.

nem nesta era, nem na futura. “Um pecado eterno” (Marcos 3: 29). A linguagem não significa necessariamente que outros pecados tenham chance de perdão no próximo mundo, embora em si possa suportar essa interpretação se outras escrituras assim o exigirem. Mas esse não é o caso. Jesus era um homem e havia, ele aparentemente admite, alguma justificativa para aqueles que só podiam ver nele um homem. Portanto, o destrato do Filho do homem não é imperdoável mediante arrependimento. As pessoas se perguntam se o pecado imperdoável pode ser cometido agora. Por que não, se hoje alguém atribui a obra manifesta do Espírito ao diabo? Compare com 1João 5:16. [Robertson, 1907]

< Mateus 12:31 Mateus 12:33 >

Todas as Escrituras em português citadas são da Bíblia Livre (BLIVRE), Copyright © Diego Santos, Mario Sérgio, e Marco Teles, com adaptação de Luan Lessa – janeiro de 2021.