Bíblia, Revisar

Salmo 137

Mensagem importante
Olá visitante do Apologeta! Vou direto ao ponto: peço que você me ajude a manter este projeto. Atualmente a renda gerada através dos anúncios são insuficientes para que eu me dedique exclusivamente a ele. Se cada pessoa que ler essa mensagem hoje, doar o valor de R$10.00, eu poderia me dedicar integralmente ao Apologeta pelo próximo ano e ainda remover todas as propagandas do site (que eu sei que são um pouco incômodas). Tenho um propósito ousado com este site: traduzir e disponibilizar gratuitamente conteúdo teológico de qualidade. O que inclui um dicionário bíblico completo (+4000 verbetes) e comentário de todos os 31.105 versículos da Bíblia. Faça parte deste projeto e o ajude a continuar crescendo. Obrigado!
1 Junto aos rios da Babilônia nos sentamos e choramos, enquanto nos lembramos de Sião.

rios da Babilônia. Por exemplo, o Tigre, o Eufrates, Chalonas, o Ulai, e os numerosos canais. [Easton]

2 Sobre os salgueiros que há no meio dela penduramos nossas harpas.

Sobre os salgueiros – que podem ter crescido lá, se não agora; como a palma, que já foi comum, agora é rara na Palestina.

3 Porque ali os que tinham nos capturado nos pediam letras de canções, e os que nos destruíram, que os alegrássemos, dizendo : Cantai para nós algumas das canções de Sião.

Quer o pedido estivesse em curiosidade ou escárnio, a resposta sugere que uma complacência era incongruente com seus sentimentos tristes (Pv 25:20).

4 Como cantaríamos canções do SENHOR em terra estrangeira?
5 Se eu me esquecer de ti, ó Jerusalém, que minha mão direita se esqueça de sua habilidade.

Pois músicas alegres implicariam o esquecimento de seus lares desolados e da Igreja caída. As imprecações solenes na mão e na língua, se assim esquecidas, dizem respeito à astúcia ou perícia no brincar e ao poder de cantar.

6 Que minha língua grude no céu da boca se eu não me lembrar de ti, se eu não pôr Jerusalém acima de todas as minhas alegrias.
7 Lembra-te, SENHOR, dos filhos de Edom no dia de Jerusalém, que diziam: Arruinai -a ,arruinai -a ,até ao seus fundamentos!

os filhos de Edom (compare com o Salmo 132: 1), isto é, punir.

no dia de Jerusalém – sua queda (Lm 4:21, Lm 4:22; Ob 1: 11-13).

8 Ah filha de Babilônia, que serás destruída! Bem-aventurado a quem te retribuir o que fizeste conosco.

filha de Babilônia – o povo (Sl 9:13). Sua destruição havia sido abundantemente anunciada (Is 13:14; Jr 51:23). Pela terribilidade dessa destruição, o julgamento justo de Deus, e não as paixões dos israelitas irritados, era responsável.

9 Bem-aventurado aquele que tomar dos teus filhos, e lançá-los contra as pedras.
<Salmo 136 Salmo 138>

Introdução ao Salmo 137

Este Salmo registra o luto dos israelitas cativos e uma oração e predição a respeito da destruição de seus inimigos.

Leia também uma introdução ao livro de Salmos.

Adaptado de: Commentary Critical and Explanatory on the Whole Bible. Todas as Escrituras em português citadas são da Bíblia Livre (BLIVRE), Copyright © Diego Santos, Mario Sérgio, e Marco Teles – fevereiro de 2018.

Conteúdos recomendados