Bíblia

Salmo 85

1 (Salmo para o regente, dos filhos de Coré:) Foste favorável, ó SENHOR, à tua terra; restauraste Jacó de seu infortúnio.

infortúnio – não necessariamente o do cativeiro babilônico, mas qualquer grande mal (Sl 14:7).

2 Perdoaste a perversidade de teu povo; encobriste todos os seus pecados. (Selá)

(Veja Sl 32:1-5).

3 Removeste toda a tua indignação; do ardor de tua ira te desviaste.

Desviar-se da “ira” implica que Ele era reconciliável.

4 Restaura-nos, ó Deus de nossa salvação; e cessa tua ira de sobre nós.
5 Acaso estarás irado contra nós para sempre? Estenderás a tua ira de geração em geração?

Estenderás – (Sl 36:10).

6 Não voltará a dar-nos vida, para que o teu povo se alegre em ti?
7 Mostra-nos tua bondade, SENHOR, e dá para nós tua salvação.
8 Escutarei o que o Deus, o SENHOR, falar, pois ele falará de paz ao seu povo, e aos seus santos, contanto que não voltem à loucura.

Ele está confiante de que Deus favorecerá Seu povo arrependido (Sl 51:17; Sl 80:18).

santos – como no Sl 4:3, o “fiel”.

9 Certamente sua salvação está perto daqueles que o temem, para que a glória habite em nossa terra.

Eles são aqui denominados “os que o temem”; e a graça produz glória (Sl 84:11).

10 A bondade e a verdade se encontrarão; a justiça e a paz se beijarão.

As promessas do Deus de “bondade” serão comprovadas por Sua “verdade” (compare Sl 25:10; Sl 40:10); e a “justiça” em Seu santo governo será “paz” (Is 32:17). Há um contraste implícito com uma dispensação sob a qual a verdade de Deus sustenta Sua ira ameaçadora, e Sua justiça inflige infelicidade sobre os iníquos.

11 A verdade brotará da terra, e a justiça olhará desde os céus.

A terra e o céu abundarão com as bênçãos deste governo;

12 E o SENHOR também dará o bem; e a nossa terra dará o seu fruto.

E, sob isso, a terra deserta será produtiva, e os homens serão “colocados”, ou guiados nos santos caminhos de Deus (13). Sem dúvida, nesta descrição do retorno de Deus, o escritor tinha em vista esse período mais glorioso, quando Cristo estabeleceria Seu governo na justiça reconciliada de Deus e em sua abundante misericórdia.

13 A justiça irá adiante dele, e ele nos porá no caminho de seus passos.
<Salmo 84 Salmo 86>

Introdução ao Salmo 85

Com base em antigas misericórdias, o salmista ora por renovação das bênçãos e, confiantemente esperando-as, se alegra.

Leia também uma introdução ao livro de Salmos.

Adaptado de: Commentary Critical and Explanatory on the Whole Bible. Todas as Escrituras em português citadas são da Bíblia Livre (BLIVRE), Copyright © Diego Santos, Mario Sérgio, e Marco Teles – fevereiro de 2018.