Bíblia

Salmo 1

1 Bem-aventurado o homem que não anda no conselho dos maus, nem fica parado no caminho dos pecadores, nem se senta junto dos escarnecedores.

Bem-aventurado: literalmente, “oh, a felicidade” – uma exclamação de forte emoção, como se resultasse da reflexão sobre o assunto.

conselho … caminho … junto: Com seus verbos correspondentes, marca as gradações do mal, agindo de acordo com os princípios, cultivando a sociedade e permanentemente conforme a conduta dos ímpios, que são descritos por três termos, dos quais o último é indicativo de a mais ousada impiedade (compare Sl 26:4-5; Jr 15:17). [JFB]

2 Mas sim, que tem seu prazer na Lei do SENHOR; e medita em sua Lei de dia e de noite.

lei: toda a palavra de Deus então escrita, especialmente os livros de Moisés (compare Sl 119:1,55,97, etc.).

3 Porque ele será como uma árvore, plantada junto a ribeiros de águas, que dá fruto a seu devido tempo, e suas folhas não caem; e tudo quanto fizer prosperará.

como uma árvore: (Jr 17:7-8).

ribeiro de águas: canais para irrigação.

4 Os maus não são assim; mas são como a palha que o vento dispersa.

não são assim: nem como conduta ou felicidade.

5 Por isso os maus não subsistirão no julgamento, nem os pecadores no ajuntamento dos justos.

não subsistirão no julgamento:  não serão absolvidos. Eles serão expulsos dentre os bons (Mt 25:45-46).

6 Porque o SENHOR conhece o caminho dos justos; porém o caminho dos maus perecerá.

conhece o caminho: atende e provê para eles (Sl 101:6; Pv 12:10; Os 13:5).

caminho dos maus: Todos os seus planos terminarão em decepção e ruína (Sl 37:13; 146:8; Pv 4:19).

<Jó 42 Salmo 2>

Introdução ao Salmo 1

O caráter e condição, destino presente e futuro dos piedosos e dos ímpios são descritos e contrastados, ensinando que a verdadeira piedade é a fonte da felicidade, e o pecado da miséria. Como este é um resumo dos ensinamentos de todo o livro, este Salmo, seja ele colocado de maneira especial ou não, constitui um prefácio adequado.

Leia também uma introdução ao livro de Salmos.

Adaptado de: Commentary Critical and Explanatory on the Whole Bible. Todas as Escrituras em português citadas são da Bíblia Livre (BLIVRE), Copyright © Diego Santos, Mario Sérgio, e Marco Teles – fevereiro de 2018.