Bíblia, Revisar

Ezequiel 44

Aviso Quer estudar a Bíblia e não sabe por onde começar? Conheça o nosso curso: Como Estudar a Bíblia? Ele é gratuito, online e pode ser iniciado agora mesmo! Clique aqui e saiba mais.


1 Então ele me fez voltar ao caminho da porta de fora do santuário, a qual estava voltada para o oriente; e ela estava fechada.

Ez 44: 1-31. Ordenanças para o príncipe e os sacerdotes.

2 E o SENHOR me disse: Esta porta estará fechada; não se abrirá, nem ninguém entrará por ela, porque o SENHOR Deus de Israel entrou por ela; por isso estará fechada.

não se abrirá – (Jó 12:14; Is 22:22; Ap 3:7). “Cale a boca” ao povo (Êx 19:21-22), mas aberto ao “príncipe” (Ez 44:3), ele ocupa o lugar de Deus em questões políticas, como os sacerdotes fazem no espiritual. Como sinal de respeito a um monarca oriental, a porta pela qual ele entra é, a partir de então, fechada a todas as outras pessoas (compare Êx 19:24).

3 O príncipe; somente o príncipe, ele se sentará nela, para comer pão diante do SENHOR; pelo caminho do pórtico da porta entrará, e pelo mesmo caminho sairá.

o príncipe – não o rei Messias, como nunca ofereceria um holocausto para si mesmo, como o príncipe deve fazer (Ez 46:4). O príncipe deve significar o governante civil sob o Messias. Sua conexão com a porta do oriente (pela qual o Senhor retornou ao seu templo) implica que, como governando sob Deus, ele deve permanecer em um local de proximidade peculiar a Deus. Ele representa o Messias, que entrou no céu, o verdadeiro santuário, por um caminho que nenhum outro poderia, a saber, pela Sua própria santidade; todos os outros devem entrar como pecadores pela fé em Seu sangue, pela graça.

coma pão diante do Senhor – um costume relacionado com sacrifícios (Gn 31:54; Êx 18:12; 24:11; 1Co 10:18).

4 Depois me levou pelo caminho da porta do norte, diante da casa; e olhei, e eis que a glória do SENHOR havia enchido a casa do SENHOR; então caí sobre meu rosto.

Direções para os sacerdotes. Seus atos de profanação são atribuídos à “casa de Israel” (Ez 44:6-7), como os pecados do sacerdócio e do povo agiram e reagiram um sobre o outro; “Como o povo, como o sacerdote” (Jr 5:31; Os 4:9).

5 E o SENHOR me disse: Filho do homem, presta atenção, olha com teus olhos, e ouve com teus ouvidos tudo quanto eu falar contigo sobre todas os estatutos da casa do SENHOR, e todas as suas leis; e presta atenção na entrada da casa, e em todas as saídas do santuário.
6 E dize aos rebeldes, à casa de Israel: Assim diz o Senhor DEUS: Já basta de todas as vossas abominações, ó casa de Israel!
7 Pois trouxestes estrangeiros, incircuncisos de coração e incircuncisos de carne, para estarem em meu santuário, para profanarem minha casa; pois oferecestes meu pão, a gordura e o sangue; e invalidaram meu pacto, por causa de todas as vossas abominações.

incircuncisos no coração – Israelitas circuncidados externamente, mas querendo a verdadeira circuncisão do coração (Dt 10:16; At 7:51).

incircunciso em carne – não tendo sequer o distintivo exterior do povo da aliança.

8 E não mantivestes a ordem de minhas coisas sagradas; em vez disso pusestes por vós mesmos guardas estrangeiros para minha ordem em meu santuário.

guardiões … para si mesmos – como vocês mesmos acharam adequado, não como eu aprovo. Ou então, “não tendes guardado o encargo das minhas coisas santas, mas colocai outros como guardiões da minha carga no meu santuário por si mesmos” (Maurer)

9 Assim diz o Senhor DEUS: Nenhum estrangeiro, incircunciso de coração e incircunciso de carne, entrará em meu santuário, dentre todos os estrangeiros que estão entre os filhos de Israel.
10 Mas os Levitas que se afastaram para longe de mim, que se desviaram de mim para seguirem seus ídolos, quando Israel se desviou, esses levarão sobre si sua maldade.

deve … suportar – ou seja, a punição de

sua iniquidade … No entanto, eles serão ministros – Então Marcos, um levita, sobrinho de Barnabé (At 4:36), foi punido por Paulo por perder a oportunidade de carregar a cruz de Cristo, e ainda assim foi novamente admitido em sua amizade, e mostrou seu zelo (At 13:13; 15:37; Cl 4:10; 2Tm 4:11). Alguém pode ser um crente, e isso também em um lugar distinto, e ainda perder alguma honra especial – ser reconhecido como piedoso, mas ser excluído de alguma dignidade (Bengel).

encarregar-se dos portões – Melhor ser “porteiro da casa de Deus do que habitar nas tendas da iniquidade” (Sl 84:10). Apesar de ser um mero porteiro, é na casa de Deus, que tem fundamentos: enquanto aquele que habita com os ímpios mora em tendas inconstantes.

11 Contudo serão trabalhadores em meu santuário, como porteiros às portas da casa, e servirão na casa; eles degolarão o holocausto e o sacrifício para o povo, e estarão diante deles para os servirem.
12 Pois os serviram diante de seus ídolos, e foram tropeço de maldade para a casa de Israel; por isso jurei de mão levantada contra eles, diz o Senhor DEUS, que levarão sua iniquidade.
13 E não se achegarão a mim para serem meus sacerdotes, nem se achegarão a nenhuma de minhas coisas sagradas; às coisas santíssimas; em vez disso levarão sobre si sua vergonha e suas abominações que fizeram.
14 Portanto os porei por guardas da ordem da casa, em todo o seu serviço, e em tudo o que houver de se fazer nela.
15 Mas os sacerdotes Levitas, filhos de Zadoque, que guardaram a guarda de meu santuário quando os filhos de Israel se desviaram de mim, eles se achegarão a mim para me servirem; e estarão diante de mim para me oferecerem a gordura e o sangue, diz o Senhor DEUS.

Zadoque – Os sacerdotes da linha de Itamar deveriam ser dispensados ​​de ministrações no templo, por causa de sua corrupção, seguindo os passos dos filhos de Eli, contra os quais a mesma denúncia foi proferida (1Sm 2:32,35). Zadoque, de acordo com seu nome (que significa “justo”) e sua linha, deveria ter sucesso (1Rs 2:35; 1Cr 24:3), já que eles não participaram da apostasia geral no mesmo grau, e talvez [Fairbairn] o profeta, referindo-se ao seu estado original, fale deles como eles apareceram quando foram escolhidos para o cargo.

16 Eles entrarão em meu santuário, e eles se achegarão à minha mesa para me servirem; e guardarão minha ordem.
17 E será que, quando entrarem pelas portas do pátio interno, se vestirão de vestes de linho; não haverá sobre eles lã, quando servirem nas portas do pátio interno, e no interior.

linho – simbólico de pureza. A lã logo induz a transpiração no abafado leste e assim se torna impura.

18 Turbantes de linho estarão em suas cabeças, e calções de linho sobre seus lombos; não se vestirão com algo que lhes cause suor.

capotas – turbantes.

19 E quando eles saírem ao pátio de fora, ao pátio de fora ao povo, despirão suas vestes com que eles prestaram serviço, as deixarão nas câmaras do santuário, e se vestirão de outras vestes, para que não santifiquem ao povo com suas vestes.

não santifique o povo com suas vestimentas – ou seja, aquelas vestes peculiarmente sacerdotais em que eles ministravam no santuário.

20 E não raparão sua cabeça, nem deixarão crescer o cabelo; mas sim apararão o cabelo de suas cabeças.

raspar… cabeças – como fazem os que choram (Lv 21:1-5). Os adoradores dos ídolos egípcios Serapis e Ísis raparam a cabeça; outra razão pela qual os sacerdotes de Jeová não devem fazê-lo.

nem sofra … as madeixas se alongam – como fizeram os luxuosos, bárbaros e soldados na guerra (Jerônimo).

21 E nenhum dos sacerdotes beberá vinho quando forem entrar no pátio interno.

vinho – para que o santo entusiasmo de sua devoção não seja confundido com inebriação, como no caso de Pedro (At 2:13,15,18).

22 Não tomarão por mulheres nem viúva, nem divorciada, mas sim tomarão virgens da descendência da casa de Israel, ou viúva que for viúva de sacerdote.
23 E ensinarão meu povo a fazer diferença entre o santo e o profano, e lhes farão saber a diferença entre o impuro e o puro.
24 E na disputa judicial eles estarão para julgar; conforme meus juízos o julgarão; e guardarão minhas leis e meus estatutos em todas as minhas solenidades, e santificarão meus sábados.
25 E não chegarão perto de pessoa alguma morta para se contaminarem; apenas pelo pai, mãe, filho, filha, irmão, ou irmã que não tenha tido marido, é que poderão se contaminar.
26 E depois de sua purificação lhe contarão sete dias.
27 E no dia que ele entrar no lugar santo, no pátio interno, para prestar serviço no lugar santo, oferecerá sua expiação pelo pecado, diz o Senhor DEUS.
28 E isto lhes será por herança: eu serei sua herança; por isso não lhes dareis propriedade de terra em Israel; eu sou a propriedade deles.

Eu sou sua herança – (Nm 18:20; Dt 10:9; 18:1; Js 13:14,32).

29 Comerão a oferta de alimentos e o sacrifícios pelo pecado e pela culpa; e toda coisa dedicada em Israel pertencerá a eles.
30 E as primícias de todos os primeiros frutos de tudo, e toda oferta de tudo o que se oferecer de todas as vossas ofertas, pertencerá aos sacerdotes; dareis também as primícias de todas vossas massas ao sacerdote, para que faça repousar a bênção em tua casa.

sacerdote o primeiro … que ele pode fazer a bênção descansar – (Pv 3:9-10; Ml 3:10).

<Ezequiel 43 Ezequiel 45>

Leia também uma introdução ao Livro de Ezequiel.

Adaptado de: Commentary Critical and Explanatory on the Whole Bible. Todas as Escrituras em português citadas são da Bíblia Livre (BLIVRE), Copyright © Diego Santos, Mario Sérgio, e Marco Teles – fevereiro de 2018.