Malaquias 1

1 Palavra do SENHOR contra Israel, por meio de Malaquias.

Palavra (“Peso da Palavra”, ACF; “Sentença”, ARA; “Advertência”, NVI) do SENHOR contra Israel (compare com Isaías 13:1Habacuque 1:1Zacarias 9:1Zacarias 12:1).

O amor de Deus por Israel

2 'Eu sempre amei vocês', diz o SENHOR; mas vocês perguntam: 'Em que nos amaste?' 'Não era Esaú irmão de Jacó?', diz o SENHOR, 'todavia, amei a Jacó,
3 e rejeitei a Esaú; e fiz dos seus montes uma devastação, e dei sua herança aos chacais do deserto.

rejeitei a Esaú (compare com Gênesis 29:3031Deuteronômio 21:1516Lucas 14:26) – ou então, “odiei a Esaú” (ACF). O apóstolo Paulo cita essas palavras (Romanos 9:13) para ilustrar sua posição, “que o propósito de Deus segundo a eleição permanecesse firme, não por causa das obras, mas por aquele que chama” (Romanos 9:11, A21). Mesmo antes de seu nascimento, Jacó foi o escolhido, e Esaú, o mais velho, deveria servir ao mais novo. À alguns, esta declaração do mistério da eleição parece tão dura que tem pensado que as palavras do texto precisam ser suavizadas, ou modificadas pela sua explicação. Assim, fazem interpretações como estas: “Preferi Jacó a Esaú”; “Eu amei Esaú menos do que Jacó;” ou eles limitam os termos “amor” e “rejeição” à concessão ou retenção de bênçãos temporais; ou eles afirmam que Esaú foi odiado porque Deus previu sua indignidade, e Jacó foi amado pois previu sua piedade e fidelidade. Mas Malaquias não está falando da predestinação de um irmão e da reprovação do outro; ele está contrastando as histórias dos dois povos representados por eles; como Jerônimo coloca, “Amei Jacó no ódio à Esaú”. Ambas as nações pecaram; ambas são castigadas; mas Israel, pela livre misericórdia de Deus, foi perdoado e restaurado, enquanto Edom foi deixado na miséria que causou a si mesmo pela sua própria iniquidade. Assim é provado o amor de Deus pelos israelitas (Knabenbauer). Que é das duas nações que o profeta fala, ao invés dos dois irmãos, é visto pelo que se segue. [Pulpit, 1895]

fiz dos seus montes uma devastação (compare com Isaías 34:9-12Jeremias 49:16-18Jeremias 5:3031Jeremias 2:531Ezequiel 25:1314Ezequiel 36:3,4,7,9,14,15Joel 3:19).

dei sua herança aos chacais do deserto (compare com Salmo 35:2627Salmo 58:1011Salmo 83:1718Provérbios 30:1117Eclesiastes 5:45Isaías 13:2122Salmo 35:2627Salmo 58:1011Salmo 83:1718Provérbios 30:1117Eclesiastes 5:45Isaías 13:2122Isaías 34:1314Isaías 35:7Jeremias 9:11Jeremias 51:37) – ou então, fiz da sua herança um deserto para chacais.

4 Ainda que Edom diga: 'Fomos esmagados, mas voltaremos a edificar as ruínas'; assim diz o SENHOR dos exércitos: Eles edificarão, e eu destruirei; e serão chamados de 'Território da Perversidade' e 'Povo Contra Quem o SENHOR Está Irado Para Sempre'.

voltaremos a edificar as ruínas (compare com Isaías 9:910Tiago 4:13-16).

Eles edificarão, e eu destruirei (compare com Jó 9:4Jó 12:14Jó 34:29Salmo 127:1Provérbios 21:30Isaías 10:4,15,16Lm 3:37Mateus 12:30).

Povo Contra Quem o SENHOR Está Irado para Sempre (compare com Malaquias 1:3Salmo 137:7Isaías 11:14Isaías 34:510Isaías 63:1-6Lm 4:21,22Ezequiel 25:14Ezequiel 35:9).

5 Vocês verão isso com seus próprios olhos e dirão: O SENHOR é grande até mesmo além das fronteiras de Israel!

Quando os judeus virem com seus próprios olhos o cumprimento dessas ameaças a Edom, serão convencidos da majestade e do amor divinos.

Vocês verão isso com seus próprios olhos (compare com Deuteronômio 4:3Deuteronômio 11:7Josué 24:71Samuel 12:162Crônicas 29:8Lucas 10:2324). Eles não precisam depender de rumores, pois com seus próprios olhos testemunharão a humilhação de Edom.

e dirão – convencidos pelo cumprimento das ameaças.

O SENHOR é grande até mesmo além das fronteiras de Israel (compare com Salmo 35:2627Salmo 35:2627Salmo 58:1011Salmo 35:2627Salmo 58:1011Salmo 83:1718Jeremias 5:3031Jeremias 2:531Ezequiel 25:1314Ezequiel 38:1623Jeremias 5:3031Jeremias 2:531Ezequiel 25:1314Ezequiel 38:1623Ezequiel 39:2122) – ou então, “O SENHOR é engrandecido até mesmo além das fronteiras de Israel” (ACF); ou então, “O Senhor será magnificado desde a fronteira de Israel” (BKJ). Dessas três traduções, a primeira é a melhor. O tratamento dado aos edomitas provará aos judeus que Javé é supremo até mesmo sobre as nações fora de Israel. O contraste entre o destino de Edom e a de Israel é a prova de que os grandes poderes de Javé são exercidos especialmente em nome dos judeus – em outras palavras, é a prova que Ele os ama. Esse pensamento parece se encaixar melhor no contexto. [Whedon, 1874]

6 'O filho honra ao pai, e o servo a seu senhor. Se, pois, eu sou pai, onde está minha honra? E se sou senhor, onde está o temor a mim?' Eu, o SENHOR dos exércitos, pergunto a vocês, sacerdotes, que têm desprezado o meu nome. Mas vocês perguntam: 'Em que temos desprezado o teu nome?'

O filho honra ao pai (compare com Ex 20:12Levítico 19:3Deuteronômio 5:16Salmo 35:2627Salmo 58:1011Salmo 83:1718Provérbios 30:1117Mateus 15:46Mateus 19:19Marcos 7:10Marcos 10:19Lucas 18:20Efésios 6:2).

o servo [honra] a seu senhor (compare com 1Corintios 11:21,22,27-321Timóteo 6:121Corintios 11:21,22,27-321Timóteo 6:12Tito 2:9101Pedro 2:17-19).

eu [Javé] sou pai (compare com Malaquias 2:9Ex 4:22,23Isaías 1:2Isaías 64:8Jeremias 31:9Mateus 6:9,14,15Lucas 10:2324Lucas 6:36461Pedro 1:17).

[eu Javé] sou senhor (compare com Mateus 7:21Lucas 6:46Jo 13:13-17).

vocês, sacerdotes, que têm desprezado o meu nome (compare com Malaquias 2:81Samuel 2:28-30Jeremias 5:3031Jeremias 23:11Ezequiel 22:26Oséias 4:6Oséias 5:1).

Mas vocês perguntam: ‘Em que temos desprezado o teu nome?’ (compare com Malaquias 2:14-17Malaquias 3:7,8,13,14; Lucas 10:29).

A oferta de sacrifícios inaceitáveis

7 Vocês oferecem sobre meu altar pão impuro, e ainda perguntam: Em que te profanamos? Quando dizem: A mesa do SENHOR é desprezível.

A resposta de Deus ao desafio deles (Malaquias 1:6), “Em que temos desprezado o teu nome?”.

Vocês oferecem sobre meu altar pão impuro (compare com Levítico 2:11Levítico 21:6Deuteronômio 15:21) – ou seja, sacrifícios deformados (Malaquias 1:8,13-14; Deuteronômio 15:21). Assim, “o pão de teu Deus” é usado para “sacrifícios a Deus” (Levítico 21:8).

A mesa do SENHOR é desprezível (compare com Malaquias 1:121Samuel 2:15-171Coríntios 10:211Corintios 11:21,22,27-32).

  • mesa do SENHOR – isto é, o altar (compare com Ezequiel 41:22) (não a mesa dos pães da proposição). Assim como a carne sacrificial é chamada de “pão”.
  • desprezível (compare com Malaquias 1:12,13). Vocês aprovam as ofertas mesquinhas e imperfeitas do povo sobre o altar, para serem favorecidos. Dario e, provavelmente, seus sucessores, haviam fornecido generosamente as vítimas para o sacrifício, mas não apresentavam nada além do pior. Uma religião barata, que custa pouco, é rejeitada por Deus e, portanto, não vale nada. Custa mais do que vale, pois não vale nada, e assim se prova muito cara. Deus não despreza as duas moedinhas da viúva, mas despreza as moedinhas do avarento (Moore). [JFU, 1871]
8 Quando vocês trazem um animal cego para o sacrifício, isso não é mal? E quando trazem o aleijado ou o enfermo, isso não é mal? Apresenta isso a teu governador; por acaso ele se agradará de ti, ou ele te aceitará? diz o SENHOR dos Exércitos.

Ou então, “Na hora de trazerem animais cegos para sacrificar, vocês não vêem mal algum. Na hora de trazerem animais aleijados e doentes como oferta, também não vêem mal algum” (NVI).

vocês trazem um animal cego (compare com Malaquias 1:14Levítico 22:19-25Deuteronômio 15:21).

para o sacrifício (compare com Zacarias 7:56Malaquias 1:1013Jó 42:8Salmo 20:3Jeremias 14:10Oséias 8:13).

9 'Agora pois, supliquem o favor de Deus, para que ele tenha compaixão de nós! Será, por acaso, que com esse tipo de oferta feita, ele aceitará vocês?', diz o SENHOR dos Exércitos.
10 'Quem dera alguém entre vocês fechasse as portas do templo, pelo menos assim vocês não acenderiam o fogo no meu altar em vão! Não tenho prazer em vocês', diz o SENHOR dos exércitos, 'nem aceitarei a sua oferta'.

Não tenho prazer em vocês’, diz o SENHOR dos exércitos, ‘nem aceitarei a sua oferta’ (compare com Isaías 1:11-15Jeremias 6:20Amós 5:21-24Hebreus 10:38).

11 Contudo, desde o nascente do sol até o seu poente o meu nome é grande entre as nações; e em todo lugar se oferece ao meu nome incenso e oferta pura; porque meu nome é grande entre as nações, diz o SENHOR dos exércitos.

desde o nascente do sol até o seu poente (compare com Salmo 50:1Salmo 113:3Isaías 45:6Isaías 59:19Zacarias 8:7) – ou então, menos provavelmente, “do oriente ao ocidente” (A21, NVI).

meu nome é grande entre as nações. Javé não precisa da adoração hipócrita dos judeus, pois mesmo entre os gentios, Ele tem os que o adoram (compare com Atos 10:34-35).

e em todo lugar se oferece ao meu nome incenso e oferta pura (compare com Isaías 24:14-16Isaías 42:10-12Sofonias 2:11Jo 4:21-23Atos 10:30-35161Timóteo 2:8Apocalipse 8:3). Os sacrifícios dos gentios, quando oferecidos com devoção sincera, o são ao “nome” de Javé (compare com Atos 17:23). [Dummelow, 1909]

12 Mas vocês o profanam ao dizerem que a mesa do SENHOR é impura; e aquilo que se oferece sobre ela é desprezível.

vocês o profanam ao dizerem [com as suas atitudes] que a mesa do SENHOR é impura; e aquilo que se oferece sobre ela é desprezível. Eles não disseram literalmente: “a mesa do Senhor é impura”; mas suas atitudes praticamente diziam isso. Eles não agiram de modo a levar o povo a reverenciá-la, e a oferecer sobre ela o seu melhor ao Senhor. A mesa do Senhor estava, de fato, contaminada; a culpa disso era, em grande parte, dos sacerdotes. As pessoas eram pobres e deixavam as piores ofertas para Deus. Os sacerdotes permitiam que fizessem isso por medo de ofende-las, e assim, perderem os seus ganhos. [JFU, 1871]

13 Além disso, dizem: 'Que canseira!' e a tratam com desprezo, diz o SENHOR dos Exércitos. Trazem como oferta o que foi roubado, o aleijado, e o enfermo; por acaso eu aceitaria isso das mãos de vocês?, diz o SENHOR.

e a tratam com desprezo (compare com Malaquias 1:7-8Deuteronômio 15:21Ezequiel 4:14Ezequiel 44:31). A mesa do Senhor e a oferta sobre ela (Malaquias 1:12).

Trazem como oferta o que foi roubado, o aleijado, e o enfermoou seja, animais que não era lícito nem comer, muito menos oferecer em sacrifício (Êxodo 22:31). [JFU, 1871]

por acaso eu aceitaria isso das mãos de vocês? (compare com Malaquias 2:13Isaías 1:12Isaías 57:621-24Amós 5:21-23Zacarias 7:56Mateus 6:1,2,5,16).

14 Maldito seja o mentiroso, que tem animal sadio em seu rebanho, o promete, mas oferece o defeituoso ao SENHOR; pois eu sou o Grande Rei, diz o SENHOR dos Exércitos, e meu nome é temido entre as nações.

que tem animal sadio (ou então, “macho”, BKJ) em seu rebanho, o promete, mas oferece o defeituoso ao SENHOR (compare com Salmo 35:2627Salmo 58:1011Salmo 83:1718Provérbios 30:1117Eclesiastes 5:45Marcos 12:41-44Marcos 14:82Coríntios 8:12) – ou então, promete e oferece o defeituoso ao SENHOR (BKJ, ARA, NAA). A pobreza não era a causa das suas ofertas medíocres, mas sim a avareza.

meu nome é temido entre as nações (compare com Salmo 68:35Salmo 76:12Daniel 9:4Hebreus 12:29Apocalipse 15:4). Até mesmo os pagãos me temem por causa de Meus julgamentos; que vergonha é isto para vocês, povo meu, que não me temem (Malaquias 1:6)! [JFU, 1871]

<Zacarias 14 Malaquias 2>

Visão geral de Malaquias

No seu livro, o profeta Malaquias “acusa Israel de egoísmo após o exílio e anuncia que o dia do Senhor purificará Israel e o preparará para o reino de Deus”. Tenha uma visão geral deste livro através do vídeo a seguir produzido pelo BibleProject. (9 minutos)

🔗 Abrir vídeo no Youtube.

Leia também uma introdução ao Livro de Malaquias.

Todas as Escrituras em português citadas são da Bíblia Livre (BLIVRE), Copyright © Diego Santos, Mario Sérgio, e Marco Teles – setembro de 2020.